Governo de Rondônia
23/05/2024

CAPACITAÇÃO PROFISSIONAL

Governo vai preparar mais de 800 pessoas para o mercado de trabalho com Programa Vencer, em Cacoal

11 de abril de 2024 | Governo do Estado de Rondônia

Com o mercado consumidor em ascensão, programação de cursos inclui Instalador de Sistema Fotovoltaicos

Com 820 vagas ofertadas pelo Governo do Estado para cursos de capacitação ou qualificação profissional do Programa Vencer, o município de Cacoal já fechou pelo menos sete turmas dos cursos de Assistente Financeiro; Cabeleireiro; Confeiteiro; Costureiro sob Medida – Modelagem (Corte e Costura); Manicure e Pedicure; Maquiador/Designer de Cílios e Sobrancelhas e Técnico em Estética. Este último, é o único do Programa que exige idade mínima de 18 anos; para os demais cursos a idade mínima é 16 anos. Ao todo são 28 cursos disponibilizados para a quinta maior cidade de Rondônia, cujas inscrições seguem até 2 de outubro no site rondonia.ro.gov.br.

O público prioritário, com acesso direto ao programa, são mulheres inseridas ou que já foram atendidas pelo Programa Mulher Protegida, catadores de materiais recicláveis, pessoas com deficiência (PcD) e mães atípicas.

Ao ressaltar a importância do Vencer neste período pós-pandemia de covid-19, o governador Marcos Rocha explica que são 10 mil vagas abertas a cada ano, levando sempre em consideração as peculiaridades e demandas do município para a realização das aulas presenciais. “Mesmo passado o período mais crítico da pandemia, muitas famílias ainda enfrentam dificuldades e necessitam do apoio do Estado. Com a realização dos cursos do Vencer, e as ações de outros programas desenvolvidos pelo Governo do Estado, a expectativa é que essas pessoas possam garantir a própria renda, pois além da parte teórica, receberão as ferramentas necessárias para começar a trabalhar”, salientou.

Operador de Computador está entre os cursos com vagas abertas

Lançado pelo Governo de Rondônia, em janeiro de 2024, com o objetivo de capacitar profissionalmente cerca de 10 mil pessoas por ano, por meio de 45 cursos em 13 eixos tecnológicos, o programa idealizado pela Secretaria de Estado da Assistência e do Desenvolvimento (Seas) é destinado à pessoas em situação de vulnerabilidade, que residam em Rondônia, estejam inscritas no Cadastro Único (CadÚnico), tenham acesso ao Gov.BR e renda per capita familiar de até um salário mínimo. Podem participar até duas pessoas por família, que mensalmente receberão auxílio de R$ 200 por inscrito, pelo período de um ano. Ao final do curso, cada uma será contemplada com um kit profissional para começar a trabalhar.

As vagas ainda disponíveis para Cacoal são para os seguintes cursos:

  • Armador de Ferro: salário estimado entre R$ 2.018 e R$ 3.136, após ingresso no mercado de trabalho;
  • Assistente de Logística: salário estimado entre R$ 1.590 e R$ 2.338;
  • Cabeleireiro: salário estimado entre R$ 1.686 e R$ 2.619;
  • Carpinteiro de Estrutura de Telhado: salário estimado entre R$ 1.943 e R$ 3.020;
  • Chapista; Costureiro Industrial do Vestuário; Eletricista de Redes de Distribuição de Energia Elétrica; Eletricista Industrial; Instalador de Sistema Fotovoltaicos; Mecânico de Manutenção em Sistemas de Refrigeração e Climatização; Mecânico de Motocicletas; Mecânico de Refrigeração e Climatização Comercial; Mestre de Obras; Montador de Móveis; Montador e Instalador de Móveis e Esquadrias; Operador de Computador: salário estimado de R$ 1.917 a R$ 2.979;
  • Padeiro e Pintor de Obras Imobiliárias: salário estimado de R$ 2.021 a R$ 3.140; e
  • Pizzaiolo;  Salgadeiro e Serralheiro de Alumínio: salário estimado entre R$ 1.969 e R$ 3.059.

Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Veronilda Lima
Fotos: Daiane Mendonça e Arquivo Secom
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Assistência Social, Cacoal, Capacitação, Cidadania, Cursos, Direitos, Distritos, Economia, Educação, Empresas, Evento, Governo, Governo Fez e Faz, Inclusão Social, Municípios, Rondônia, Serviço, Servidores, Sociedade, Solidariedade


Compartilhe


Pular para o conteúdo