Governo de Rondônia
Friday, 17 de September de 2021

SOJA

Porto de Porto Velho recebe empresários interessados na exportação de soja

11 de março de 2019 | Governo do Estado de Rondônia

O Porto de Porto Velho é alternativa viável de escoamento da soja para atender o mercado asiático

 

Representantes da empresa Cabs foram recebidos pela diretoria executiva da Sociedade de Portos e Hidrovias do Estado de Rondônia (Soph) no Porto de Porto Velho na última sexta-feira (8) para demonstração da viabilidade do escoamento de soja a fim de atender o mercado asiático.

Empresários e representantes do mercado asiático apresentam planta de operacionalização de soja para ser implantada no Porto de Porto Velho

O presidente da Cabs, empresa especializada em consultoria de gestão empresarial, Carlos Alberto Soccol, expôs a necessidade da construção de uma planta de aproximadamente 90 mil m² para dar início a operacionalização. “A implantação do projeto depende de uma área com frente de 300 metros, e a empresa contatada para construção levará até 10 meses para entregar o projeto em sua totalidade. A projeção inicial é movimentar até 50 mil toneladas/mês e dentro de um ano atingirmos a cota de 300 mil toneladas/mês. Os consumidores da Ásia anseiam pelo produto e o tempo urge para atendê-los”, frisou Soccol.

O diretor presidente da Soph, Amadeu Hermes dos Santos da Cruz, afirmou da facilidade estrutural do Porto Público de Porto Velho para viabilizar o atendimento. “Qualquer produto que será exportado pode ser liberado no Porto, uma vez que dispomos do único recinto alfandegado da Amazônia Ocidental em Porto Público.

Além disso, dispomos também de representantes de todas as agências reguladoras e fiscalizadoras como Receita Federal, Anvisa e Ibama para dar a garantia do acolhimento das normas da legislação brasileira vigente. A concentração de todos os personagens envolvidos na exportação e importação dentro do Porto, otimiza e facilita os trâmites aduaneiros. Nossa infraestrutura está apta a operacionalizar qualquer tipo de carga. É um cenário extremamente positivo para empresários visionários”, detalhou Amadeu.

Leia mais:

Aprovada no concurso de 2014, servidora é a única mulher no posto de guarda portuária em Rondônia

Projeto piloto de exportação de algodão tem início no Porto de Porto Velho


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Rafaela Schuindt
Fotos: Daiane Mendonça e Rafaela Schuindt
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Rondônia


Compartilhe