Governo de Rondônia
22/07/2024

ATENDIMENTO

Governo implementa funcionalidade de solução biométrica integrada ao Sistema Prato Fácil

04 de julho de 2023 | Governo do Estado de Rondônia

Lançado em dezembro de 2020, com o programa é possível distribuir uma refeição a cada 5,32 segundos em média

O Governo de Rondônia por meio da Superintendência Estadual de Tecnologia da Informação e Comunicação – Setic e a Secretaria Estadual da Assistência e do Desenvolvimento Social – Seas, deu início na segunda-feira (3), ao cadastramento dos beneficiários no sistema biométrico do Programa Prato Fácil, em Porto Velho.

A Seas já ofereceu mais de 1,6 milhão de refeições,

Essa nova funcionalidade de solução biométrica foi integrada ao Sistema Prato Fácil, com o objetivo de agilizar o atendimento nas filas. Agora, o acesso para liberação das refeições será realizado por meio da biometria digital, o que reduzirá as falhas e riscos de fraudes.

O projeto piloto foi implementado em um restaurante credenciado ao Programa Prato Fácil em Vilhena, onde são ofertadas, diariamente, 300 refeições, de segunda a sexta-feira. O cadastramento dos beneficiários foi realizado entre os dias 5 e 19 de junho, no estabelecimento credenciado, e agora continua na sede da Gerência Regional da Seas, do município.

CADASTRAMENTO EM PORTO VELHO

Na Capital, o prazo para cadastramento será de 3 a 20 de julho, inicialmente em 28 restaurantes habilitados para atender ao programa. O governador Marcos Rocha salientou que, “nossa proposta com o sistema biométrico é tornar mais rápido o atendimento ao público e atender um maior número de pessoas”. Acrescentou que, as pessoas não precisam se preocupar com este cadastro, pois ele será feito no próprio estabelecimento, onde diariamente se alimentam ou buscam suas refeições.

Através do Sistema Prato Fácil, lançado em dezembro de 2020, é possível distribuir uma refeição a cada 5,32 segundos em média. Em dois anos de funcionamento, a Seas já ofereceu mais de 1,6 milhão de refeições nutritivas em 38 estabelecimentos em todo o Estado, a um custo de R$ 2 para as pessoas do CadÚnico.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Valéria Rodrigues
Fotos: Ésio Mendes
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Assistência Social, Governo, Governo Fez e Faz, Rondônia, Serviço, Sociedade, Tecnologia


Compartilhe


Pular para o conteúdo