Governo de Rondônia
Saturday, 25 de September de 2021

EDUCAÇÃO ESPECIAL

Equipamentos adquiridos pelo Governo de Rondônia para salas de recursos auxiliam em programas de inclusão educacional

06 de setembro de 2021 | Governo do Estado de Rondônia

Notebooks destinados aos estudantes com deficiência visual matriculados no ensino fundamental e médio

Com a finalidade de fortalecer o processo de inclusão escolar, o Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), tem priorizado ações que visam a implementação de atendimento educacional especializado nas diversas áreas do conhecimento. Além dos recursos investidos no enfrentamento à pandemia do novo coronavírus, entre 2020 e 2021, o Estado adquiriu 306 notebooks para os estudantes da educação especial matriculados na Rede Estadual de Ensino, além de 216 impressoras e escaners para atender todas as salas de recursos multifuncionais do Estado.

Ainda, foram destinados 144 notebooks com a finalidade de implementação do projeto de educação tecnológica na área de robótica educacional para alunos com AH/Sd (altas habilidades/superdotação), desenvolvido nas salas de recursos multifuncionais das escolas estaduais na capital, Porto Velho, e demais municípios  do estado.

Equipamento foram destinados para atender ao projeto de educação tecnológica na área de robótica.

O projeto de educação tecnológica na área de robótica educacional foi criado no intuito de atender alunos com AH/Sd que demonstrem potenciais e interesse na área tecnológica. A chefe de Núcleo de Educação Especial da Gerência de Educação Básica, Heluízia Patrícia Lara, destacou a importância de se oferecer condições favoráveis ao desenvolvimento do talento e da criatividade, por meio de práticas pedagógicas diferenciadas.

“A execução do projeto tem resultados e muitos benefícios, tais como o desenvolvimento de habilidades e competências essenciais à definição e resolução de situações-problemas”, diz.

Para atender alunos com deficiência visual matriculados no ensino fundamental e médio, foram destinados 162 notebooks que já possuem sistema operacional denominado “Non Visual Desktop Access (NVDA)”, uma ferramenta de acessibilidade para as pessoas com deficiência visual, que permite que pessoas cegas ou com baixa visão acessem computadores com o sistema operacional sem dificuldade, através de voz sintética e braille, possibilitando assim o acesso ao conteúdo programático desenvolvido na escola e a utilização dos livros e recursos digitais das escolas da rede.

Heluízia Patrícia Lara ainda enfatizou a importância da política pública de inclusão da pessoa com deficiência, onde o aluno com deficiência visual, quando incluído digitalmente, maximiza seu tempo e suas potencialidades. “A informática é um suporte para melhorar a condição de aprendizagem e de vida, utilizando recursos modernos. A pessoa com deficiência pode adquirir maior independência através de programas acessíveis com o uso da informática e internet, o aluno pode ter acesso ao conteúdo programático desenvolvido na escola”.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Valéria Rodrigues
Fotos: Frank Néry/Jeferson Mota
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Assistência Social, Educação, Governo, Inclusão Social, Rondônia, Saúde, Serviço, Servidores, Sociedade, Tecnologia


Compartilhe