Governo de Rondônia
Saturday, 25 de September de 2021

PALESTRAS

Técnicos do Instituto de Previdência de Rondônia falam sobre aposentadoria aos servidores da Secretaria de Educação

28 de julho de 2015 | Governo do Estado de Rondônia

Palestra - Aposentadorias -28-7-Qt 023

Fátima Gavioli pediu respeito e carinho aos servidores que dedicaram suas vidas à educação de Rondônia.

O Instituto de Previdência de Rondônia (Iperon) começou a execução do projeto Ciclo de Palestras na semana passada, em Porto Velho. O objetivo é levar aos servidores estatutários do estado as instruções necessárias para sua aposentadoria, além de esclarecer dúvidas e apresentar a estrutura do instituto. O Ciclo de Palestras acontece hoje (28) e amanhã (29), no auditório da Emater, localizado na avenida Farquhar.

Nesses dois dias, as palestras serão direcionadas aos servidores da Secretaria de Educação do Estado de Rondônia – Seduc. Técnicos e coordenadores da secretaria estão participando para levar todas as informações aos demais trabalhadores da educação do estado.

A secretária de educação, Fátima Gavioli, abriu a palestra desta terça-feira. “O servidor precisa ser tratado com carinho e rapidez, não podemos agir de outra forma”, disse ela ao ouvir que muitos servidores têm dificuldades para se aposentar.

“Eu gostaria de entregar, pessoalmente, o documento de aposentadoria de cada servidor e agradecê-lo por tudo que ele fez pela educação do nosso estado”, ressaltou Gavioli.

Segundo a diretora de previdência do Iperon, Universa Lagos, o projeto Ciclo de Palestras atenderá todas as secretarias, autarquias e demais poderes do estado, inclusive o interior de Rondônia, até final deste ano. “Levar informações relevantes aos servidores do estado para que eles possam ter o conhecimento necessário do processo de aposentadoria”, destacou Universa ao lembrar que essas informações visam facilitar e agilizar o trâmite processual de aposentadoria.

Outro ponto importante nas palestras é a questão do controle das informações dos servidores. Com a informatização, o armazenamento e a pesquisa sobre o tempo de trabalho de cada servidor ficou mais fácil e rápido. Porém, ainda há um grande período que todo registro ainda está no papel.

Para tratar desse tema, o diretor de tecnologia, Jean Paes, vai apresentar números e como o estado está fazendo essa transição do papel para o virtual. “Apenas os servidores que entraram no século passado tem registros em papel e, por isso, demanda um pouco de tempo”, disse Paes ao lembrar que o estado tem investido em tecnologia para assegurar as informações e agilizar o processo de aposentadoria dos servidores do estado.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Fabio Arantes
Fotos: Quintela
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Educação, Governo, Rondônia, Servidores


Compartilhe