Governo de Rondônia
Thursday, 23 de September de 2021

MORADIA POPULAR

Governo faz força tarefa para acelerar a seleção dos candidatos inscritos no Orgulho do Madeira

14 de abril de 2014 | Governo do Estado de Rondônia

Servidores da Seas trabalharão em dois turnos para auxiliar na análise dos cadastros dos inscritos 

Análise dos inscritos nos programas habitacionais MCMV e Morada Nova em Porto Velho

Análise dos inscritos nos programas habitacionais MCMV e Morada Nova em Porto Velho

A Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas), gestora da Política Estadual de Habitação de Interesse Social está fazendo uma força tarefa para concluir a análise dos cadastros de inscritos para o Residencial Orgulho do Madeira, na capital.

Para reforçar a equipe que está trabalhando na análise dos candidatos inscritos no Residencial Orgulho do Madeira, com 4 mil moradias, o secretário de Assistência Social de Rondônia, Márcio Felix, publicou a Portaria nº 140/SRH/ SEAS de 7 de abril, onde fica determinado que o servidores da Seas, no período de 60 dias irão cumprir  oito horas de trabalho, divididos em dois turnos de quatro horas.

“Os servidores, irão desempenhar suas funções internas no período da manhã e pela tarde irão atuar na análise. Precisamos agilizar o processo de análise dos cadastros e para isso fez-se necessário reforçar as equipes técnicas. É uma força tarefa, realizada com a parceria e compreensão dos servidores para que o cronograma dos sorteios e a entrega das moradias sejam cumpridos”, explica Márcio Felix.

Quase 13 mil famílias se inscreveram no Residencial Orgulho do Madeira

Quase 13 mil famílias se inscreveram no Residencial Orgulho do Madeira

Mais de 13 mil famílias realizaram as inscrições em novembro do ano passado na Talismã 21. Durante três meses servidores do estado e do município, em uma ação coordenada pela Seas, realizaram as visitas domiciliares em cinco mil residências dos candidatos que atenderam de 4 a 6 critérios de seleção, além de todos os idosos e pessoas com deficiência e os que moram em áreas de ocupação irregular.

De acordo com o planejamento da secretaria, os sorteios públicos para atender a cota de idosos e pessoas com deficiência, bem como o sorteio para os candidatos do grupo geral serão realizados na segunda quinzena de maio.

“Após a analise cadastral, vamos publicar a relação contendo os nomes dos candidatos aptos aos sorteios públicos”, frisa a assessora especial da Seas, Sara Vieira.

 Cadastros dos desabrigados pela enchente

Servidores da Seas e cedidos por outras secretarias estão trabalhando dois períodos para agilizar o processo de análise dos inscritos.

Servidores da Seas e cedidos por outras secretarias estão trabalhando  para agilizar o processo de análise dos inscritos

A Seas está trabalhando ainda no cadastramento das famílias que estão desabrigadas devido a enchente do Rio Madeira em Porto Velho. No mês de março equipes formadas por assistentes e técnicos sociais, do estado e do município, iniciaram o cadastramento das famílias que se encontram abrigadas em escolas, igrejas ou associações.

A ação realizou cerca de 350 cadastros de desabrigados que estão sendo inseridos no Sistema do Programa Morada Nova para análise de situação social e econômica, além do cruzamento de dados com outros programas habitacionais.

“Todo os procedimentos na execução do Programa Morada Nova e Minha Casa Minha Vida no estado de Rondônia são realizados de acordo com a legislação dos programas, tanto na esfera federal como estadual. Todos os cadastros dos inscritos no Orgulho do Madeira, bem como dos desabrigados pela enchentes estão sendo devidamente analisados, num processo transparente. Estamos cumprindo a legislação dos programas para que as moradias cheguem as famílias rondonienses que mais precisam” finaliza Márcio Felix.

 


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Luana Lopes
Fotos: Decom
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Governo, Habitação, Inclusão Social


Compartilhe