Governo de Rondônia
20/04/2024

RETROSPECTIVA 2023

Departamento Estadual de Estradas de Rodagem chega ao fim de 2023 com obras realizadas em todos os municípios de Rondônia

14 de dezembro de 2023 | Governo do Estado de Rondônia

Ponte no rio Cabreúva, na RO-370, entregue pelo Governo de Rondônia para a população

O Departamento Estadual de Estradas de Rodagem e Transportes (DER) termina o ano de 2023 superando as expectativas na realização de obras nos 52 municípios de Rondônia. Responsável por cerca de seis mil quilômetros de vias com e sem pavimento, o Governo do Estado trabalha para melhorar, a cada ano, a infraestrutura viária.

Serviços de recuperação e melhoria da RO-399, na Serra do Bosco

O DER desenvolveu ações de manutenção da trafegabilidade devido ao período das chuvas, em janeiro, com obras nas Rodovias 420, 140, 133, 010, 408, entre outras. Por meio das Residências Regionais, foram executados os serviços de retirada de pontos de atoleiro, manutenção, restauração e substituição de pontes de madeira, abertura de saídas d’água. O Departamento ainda otimizou o trabalho com manutenções preventivas e corretivas periódicas do maquinário pesado, caminhões e frota de veículos leves.

Ao mesmo tempo, as Usinas de Asfalto, responsáveis por cerca de 1.500 quilômetros de vias pavimentadas, iniciaram a recuperação asfáltica de rodovias como a RO-383, na região de Cacoal; e a RO-135 no distrito de Vila Marcão, pertencente a Alta Floresta d’Oeste, conhecida como Linha P50, na região de Rolim de Moura. O trabalho de reparação no asfalto é fundamental para maior vida útil das vias. Frentes de serviço fizeram a limpeza de vegetação nas laterais das rodovias, proporcionando melhor visibilidade e mais segurança. Também foi realizada a abertura de uma terceira pista na RO-010, com instalação de sinalização horizontal e vertical.

Consolidando o objetivo de uma administração municipalista, o Governo do Estado, por meio do DER, fez a entrega de 52 retroescavadeiras e sete escavadeiras hidráulicas para 27 prefeituras, ainda no início do ano. A pavimentação das vias internas do Parque Tecnológico Vandeci Rack (em Ji-Paraná), onde é realizada anualmente a feira de agronegócio, a Rondônia Rural Show Internacional. Outra ação do Governo de Rondônia voltada aos municípios, foi o aumento do repasse do Fundo de Infraestrutura e Habitação (Fitha), totalizando R$ 50.521.925,00. São recursos que as prefeituras podem utilizar, principalmente, na recuperação de vias vicinais, substituição de pontes e aquisição de maquinário, melhorando a capacidade de realização de obras infraestruturais.

Em abril, durante cerimônia de anúncio dos valores do Fitha, o governador Marcos Rocha destacou que cada município recebe o valor que condiz com a sua realidade, para que possa investir em projetos e ações que melhorem a qualidade de vida da população e impulsionem o crescimento econômico da região. “O Fitha é um Fundo essencial para o desenvolvimento dos municípios de Rondônia, que se pode assegurar recursos para melhorar a infraestrutura da malha viária, contribuindo para o escoamento da produção agrícola e pecuária, além de garantir a melhoria das condições de tráfego às pessoas que utilizam as estradas, diariamente”, salientou.

RITMO ACELERADO

Terminado o período das águas, o DER acelerou o ritmo de trabalho nas rodovias sob sua responsabilidade, assim como nos aeroportos do interior do Estado, como em Vilhena, Cacoal, Ji-Paraná, Ariquemes e Guajará-Mirim. No aeroporto “Capital do Café”, em Cacoal, foram investidos aproximadamente R$ 4 milhões para a obtenção da certificação operacional, emitida pela Agência Nacional de Avião Civil (Anac).

Aeroporto de Cacoal recebeu diversas melhorias em 2023

Segundo o diretor-geral do DER, Éder André Fernandes, para alcançar esse objetivo, foram realizadas diversas melhorias na infraestrutura do aeroporto. “Por exemplo, a implantação de uma Estação Prestadora de Serviços de Telecomunicações e Tráfego Aéreo (EPTA), Estação Meteorológica de Superfície (EMS), Indicador de Percurso de Aproximação (PAPI) primário e secundário, execução de faixa de pista e faixa preparada, implantação RESA, supressão vegetal, sinalização vertical luminosa e sinalização horizontal da Pista de Pouso e Decolagem, construção de cerca operacional padrão ICAO, além da elaboração de planos e programas para a aprovação junto à Anac”, concluiu o diretor-geral, ressaltando que, tais melhorias foram essenciais à certificação do aeroporto e vão contribuir para o desenvolvimento da região.

Dentro do escopo de infraestrutura viária e com o objetivo de atender às demandas municipalistas, o DER, ainda no começo de 2023, concluiu e fez a entrega de mais uma ciclovia no interior do Estado, no município Novo Horizonte do Oeste. Enquanto isso, as obras de asfaltamento interno do Parque Vandeci Rack seguiam. Até o início da feira anual de agronegócios, ao final de maio, equipes integradas do Departamento executaram a pavimentação de mais de 1800 metros de ruas no interior do parque, em um investimento em torno de R$ 3 milhões.

Para o governador Marcos Rocha, “os investimentos no parque têm como objetivo, fomentar ainda mais o agronegócio, incentivando novos participantes, e impulsionando a economia do Estado. Com isso, é essencial todo o trabalho de infraestrutura, para possibilitar uma seguridade ao local e proporcionar amplo acesso aos rondonienses”, ressaltou.

ABRAÇANDO DESAFIOS

Trecho de asfaltamento concluído na RO-370, Rodovia TransRondônia

Com todas as residências regionais, usinas de asfalto, coordenadorias e demais setores, executando as determinações do Plano Anual de Trabalho, o DER avançou também no que pode ser considerada uma das maiores obras da atual administração, o asfaltamento da RO-370, popularmente conhecida como Rodovia do Boi e ainda TransRondônia, em um investimento que supera os R$ 330 milhões e que é considerada estratégica para o escoamento da produção na região do Cone Sul e integração com as demais regiões de Rondônia.

Na região de Rolim de Moura, conhecida como Zona da Mata, outra obra de impacto é a pavimentação de 25 quilômetros da RO-491, entre Santa Luzia d’Oeste e São Felipe d’Oeste. Na oportunidade de retomada dos serviços, ainda em maio, a agricultora Maria de Lurdes expressou seu alívio com a retomada das obras, que vão finalmente livrá-la dos problemas recorrentes de poeira e lama. “Esta obra é muito importante, porque só quem usa a Linha 45 sabe das dificuldades e dos transtornos que enfrentamos durante o período de chuva, com a lama; e no período seco, com a poeira”, declarou.

Bem começou o segundo semestre, o Governo do Estado deu início à segunda e última etapa de pavimentação da RO-460, que interliga Buritis à BR-421, em Ariquemes. O DER já havia executado a pavimentação de 32 quilômetros da rodovia e as equipes em 2023 trabalharam na conclusão dos 23 quilômetros restantes, garantindo melhor trafegabilidade, mais segurança e menores custos aos produtores da região.

CONSTRUÇÃO DE PONTES

Um dos desafios da atual Administração Estadual está no objetivo de substituir pontes de madeira por estruturas de concreto. Paulatinamente e com muito planejamento na utilização dos recursos públicos, as metas estão sendo alcançadas. Por exemplo, cinco pontes de concreto, sendo uma na RO-133 e quatro na RO-257, na região do Vale do Jamari, foram entregues à população, ainda em julho. Ao todo, durante este ano, nove pontes de concreto e aço já foram entregues pelo Governo de Rondônia.

“São obras que impulsionam a economia e garantem uma trafegabilidade segura aos usuários das rodovias. Com a construção dessas novas pontes de concreto, estamos proporcionando uma solução definitiva para a região, oferecendo uma infraestrutura mais durável e confiável, que trará benefícios a longo prazo aos moradores, produtores rurais e empresas locais”, explicou o diretor-geral do DER, Eder Fernandes.

SUPERANDO EXPECTATIVAS

Ao longo do segundo semestre, o DER, por meio de todas as suas residências regionais e usinas de asfalto, vem trabalhando na recuperação, manutenção e melhoria dos cerca de 6000 quilômetros de rodovias com e sem pavimentação, juntamente aos aeroportos de Vilhena, Cacoal, Ji-Paraná, Ariquemes e Guajará-Mirim, além dos Termos de Cooperação estabelecidos com diversas prefeituras em todo o Estado.

Pavimentação urbana no município de Pimenta Bueno

Tendo como base o Plano Anual de Trabalho, o Departamento vem executando o que está estabelecido no plano, otimizando recursos e entregando obras que garantem maior durabilidade e mais segurança para a população, além de auxiliar nas condições de melhoria na produtividade e no desenvolvimento econômico de Rondônia. De Porto Velho a Colorado do Oeste; de Guajará-Mirim a Ji-Paraná; de Vilhena a Buritis; de São Francisco do Guaporé, passando por Rolim de Moura até Pimenta Bueno.  Todos os 52 municípios estão sendo atendidos por obras do Governo do Estado executadas pelo DER, inclusive na infraestrutura urbana, reforçando o caráter municipalista da atual gestão.

Exemplos são a recuperação da RO-475, entre Ouro Preto do Oeste e Vale do Paraíso; a reestruturação de 40 quilômetros da Linha-47, em Alta Floresta; a recuperação e melhoria ao longo de toda a Linha-78 em São Miguel do Guaporé; as ações de manutenção das Rodovias 133 e 472, além da RO-411, que está em processo de estadualização e conhecida popularmente como Linha do Km-12, em Ji-Paraná; entre centenas de obras executadas ao longo de 2023.

Com o ano terminando, a direção-geral do DER e o corpo técnico de servidores e engenheiros já estão estruturando o Plano Anual de Trabalho de 2024, para que o órgão possa entregar mais obras, garantir maior segurança, trafegabilidade e contribuir para o desenvolvimento econômico e social de Rondônia.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Luiz Augusto Rocha
Fotos: George Henrique
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Governo, Governo Fez e Faz, Infraestrutura, Obras, Retrospectiva 2023, Rondônia, Saneamento, Transporte


Compartilhe


Pular para o conteúdo