Governo de Rondônia
Saturday, 25 de September de 2021

INFRAESTRUTURA

Residência Regional do DER em Ariquemes mantém quatro frentes de trabalho na região

17 de junho de 2015 | Governo do Estado de Rondônia

A Regional do DER em Ariquemes tem a responsabilidade de cuidar de quase 850 km de estradas.

A Regional do DER em Ariquemes tem a responsabilidade de cuidar de quase 850 km de estradas.

Para cumprir a demanda de recuperar quase 850 quilômetros de estradas na região do Vale do Jamari, o governo estadual trabalha em quatro frentes de serviço com a Residência Regional do Departamento de Estradas de Rodagem e Transportes (DER) em Ariquemes.

De acordo com o residente regional, capitão Lima, as frentes de trabalho atuam na recuperação das estradas estaduais não-pavimentadas, com serviços de patrolamento, encascalhamento, limpeza lateral, substituição de pontes velhas de madeira por galerias de concreto e eliminação de curvas perigosas, garantindo estradas melhores  para a população rondoniense, principalmente para o escoamento da produção e também para transporte escolar.

“Temos condições de atuar em tantas frentes de serviço porque o governador Confúcio Moura investiu na estruturação do parque de máquinas do DER, de forma como jamais havia sido feito”, destacou Lima.

Uma das equipes faz o patrolamento da RO-459 (Travessão B-20), de Alto Paraíso ao Garimpo Bom Futuro, com 28 quilômetros de extensão. Outra frente de trabalho atua na RO-457 (Travessão B-40 Norte), da BR-421 ao município de Alto Paraíso, com 22 quilômetros. Nesta etapa dos serviços a rodovia recebe além do patrolamento, o aterro para a construção de uma galeria de concreto sobre o rio São Francisco.

IMG_0463

Com a construção de uma galeria de concreto o governo vai eliminar uma curva perigosa (à esquerda) e uma ponte velha de madeira

Com a construção da galeria de concreto mais uma ponte velha de madeira será eliminada e uma curva perigosa também deixará de  existir nas estradas estaduais. Conforme o chefe de campo do DER, Paulo Feliciano, na atual ponte de madeira sobre rio São Francisco está em condições precárias e fica na subida de um morro, obrigando os veículos a transitarem em baixa velocidade, ocasionando inúmeros assaltos no local. “Esse trecho é perigoso e governo está solucionando mais este problema nessa estrada”, assegurou.

A escola municipal Vinícius de Moraes fica próximo da ponte. A escola atende 430 alunos, incluindo estudantes da escola estadual Raimundo Catanhede. Os ônibus escolares precisam passar todos os dias pela ponte velha de madeira em condições precárias. A diretora (da escola Vinícius de Moraes) disse que o maior problema ocorre durante o período de chuvas, que a estrada fica escorregadia.

As outras duas frentes de serviço estão na RO-144 (Travessão B-40 Sul, 48 km de extensão), da BR-364 até a Linha Zero, que dá acesso aos município de Cacaulândia, Governador Jorge Teixeira e Jaru, e no Travessão B-80, de Ariquemes até o limite com o município de Jaru.

PROGRAMAÇÃO

A partir de Julho a Regional do DER em Ariquemes, conforme Capitão Lima, concentrará os trabalhos na recuperação da RO-458 (Travessão B-20, com 90 km de extensão), de Alto Paraíso aos distrito de Triunfo, em Candeias do Jamari. Na RO-459 (Linha C-80), de Alto Paraíso a Rio Pardo, foi concluída a construção de uma galeria de concreto e o DER fará o aterro das cabeceiras da galeria.


Leia Mais
Todas as Notícias

Fonte
Texto: Nilson Nascimento
Fotos: Nilson Nascimento
Secom - Governo de Rondônia

Categorias
Governo, Infraestrutura, Obras, Rondônia


Compartilhe